O IPTU poderá ser pago em parcela única com desconto de 20% ou em parcelas com vencimentos até dezembro de 2017.


Proprietários de móveis urbanos de Nova Xavantina que estão em atraso com o IPTU, tem 20 dias para quitar ou parcelar o Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU 2017 que se encerra no próximo dia 31. Até esta data, quem está com o imposto atrasado poderá aderir ao programa de Conciliação Fiscal, um programa que da mais oportunidade de colocar a dívida em dia.
O IPTU poderá ser pago em parcela única com desconto de 20% ou em parcelas com vencimentos até dezembro de 2017.
De acordo com o secretário de finanças Roberto Nascimento, o Beto, quem não recebeu o carnê ainda deve procurar o Setor de Tributação da prefeitura para retirá-lo.
Beto lembrou ainda que os proprietários de lotes vagos deverão retirar o carne na prefeitura e apresentar fotocópia dos documentos pessoais (RG, CPF, ou CNH e comprovante de endereço atualizado).
Programa
Com relação ao Programa de Conciliação Fiscal, este tem o objetivo de dar oportunidade aos contribuintes que estão com débitos junto a prefeitura, para encontrarem uma solução e resolver a dívida.
O programa destina-se a promover a regularização de créditos do município, decorrentes de débitos de pessoas físicas e jurídicas, relativos aos impostos, taxas municipais e contribuição de melhorias.
Prazo final para descontos será dia 31 de março.
Aposentados
Aposentado que tenha apenas um único imóvel e mora nele, não paga; no entanto, deverá comparecer na prefeitura pedindo a quitação. Se caso receber o carnê, desconsidere.
Pessoas de fora
Entrar em contato no email: tributosnx@gmail.com
O cidadão que tiver dúvidas, poderá entrar em contato pelo telefone 3438-2653 e pedir para falar na Divisão de Tributação.
Serasa
A dívida de IPTU poderá ser lançada em dívida de execução fiscal no fórum, e o nome do devedor passará a estar restrito e inserido nos órgãos de proteção ao crédito (SPC, SERASA E Boa Vista SCPC). Mas existe uma questão muito mais importante no pagamento do IPTU: a possibilidade de perder o imóvel.
Quando o IPTU fica atrasado, a primeira coisa que acontece é o proprietário do imóvel ficar impossibilitado de vendê-lo. Esse imóvel será inscrito num cadastro de inadimplentes e depois torna-se uma dívida pública ativa com a prefeitura.
Caso essa dívida não venha a ser paga, daí então o proprietário perde o imóvel, que será leiloado.
 

Fonte: NX1

Data de publicação: 11/05/2017

Créditos das Fotos: Google

Compartilhe!